O Enem e a saúde mental dos jovens

O nervosismo entre os jovens antes de uma prova é muito comum, principalmente quando se trata do Enem, algo que irá definir o seu futuro. No entanto, há pessoas que não conseguem controlar os próprios sentimentos e também não sabem como pedir ajuda, transformando o seu problema em uma verdadeira bola de neve.

Poucas pessoas discutem a respeito do impacto que os estudos para algo tão grandioso têm sobre a cabeça dos jovens. A ansiedade não é o único problema que podem enfrentar, podendo ser seguido pela insegurança e desmotivação.

Contribuição do confinamento social

Saúde mental dos jovens

Muitos adolescentes que estão prestes a fazer o Enem já estão começando a suar frio, principalmente porque a prova poderá decidir o seu futuro acadêmico. Além disso, todos estamos presos em um panorama pandêmico, precisando ficar dentro das nossas próprias casas para driblar o Coronavírus.

Mesmo que muitas pessoas não pensem a respeito disso, os jovens sofrem em dobro por causa do isolamento social. Na escola, muito embora a pressão e insegurança ainda existam, é possível que eles interajam entre si de maneira mais direta, oferecendo um maior apoio e até um abraço afetuoso.

Com todo mundo dentro de casa, esse contato diminui drasticamente e uma grande maioria não tem tempo para trocar mensagens pela internet. Isso acaba resultando em uma sensação de solidão, fazendo com que haja um agravamento de todas as emoções negativas que os consomem durante esse período tão complicado.

Dados brasileiros

Saúde mental dos jovens

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 16% das doenças e lesões que surgem em jovens entre 10 e 19 anos são resultados de problemas relacionados à saúde mental. A depressão e o suicídio são as duas causas de morte mais citadas na pesquisa.

Em um panorama geral, estima-se que entre 10% e 20% dos jovens do mundo inteiro possam ter algum tipo de problema relacionado à saúde mental. Por isso, é importante que haja um diálogo aberto para falar sobre sentimentos, visando sempre entender o outro lado da história.

Setembro Amarelo

Saúde mental dos jovens

O Setembro Amarelo é, por assim dizer, um evento que ocorre anualmente para conscientizar as pessoas a respeito da importância da manutenção da saúde mental. É por meio dele que podemos incentivar o diálogo e fazer com que todos entendam um pouco mais sobre a valorização da vida e de que o problema do outro não é uma mera banalidade.

No Brasil, no ano de 2015, foi criado o primeiro Centro de Valorização da Vida (CVV), onde as pessoas que estão com problemas podem lidar e ter uma conversa com quem está disposto a ajudar. De uma maneira geral, o Dia da Prevenção do Suicídio é 10 de setembro, trazendo mais visibilidade para o problema.

Atualmente, vivemos em uma sociedade em que as pessoas acabam por valorizar mais o “status social” do que os sentimentos. Isso resulta em graves problemas de ansiedade, frustração e depressão, levando os jovens a uma busca desenfreada por algo que, talvez, nunca vão alcançar.

Por isso, se você está passando por uma fase difícil ou conhece alguém que precise de ajuda, não fique calado. Uma palavra pode mudar o rumo de uma história e fazer com que novas linhas sejam reescritas.

Todos sabemos que o Enem é um evento muito importante para quem acabou o Ensino Médio. No entanto, é preciso ficar de olho na saúde mental dos jovens, permitindo que eles tenham todo o apoio necessário para darem o melhor de si na prova e na vida.

Gostou do artigo? Compartilhe para que outras pessoas também fiquem por dentro.

Sobre o(a) autor(a):Colégio Êxito

O Colégio Êxito, ao longo de mais de 30 anos de educação de qualidade, dispõe de uma ótima infraestrutura para atender às necessidades dos seus alunos, garantindo o conforto e a segurança de todos. Nossa missão é levar à sociedade uma educação com excelência, honestidade, qualidade, ética e responsabilidade social.

0 comentários

Enviar um comentário

Postagens Relacionadas

Fale conosco
Informações e Matrículas.
Olá!
Gostaria de receber mais informações sobre a matrícula?