A educação na pandemia: o que mudou?

É sabido por todos que a pandemia deixou muitas marcas importantes. Os pais e familiares acabaram passando por uma série de mudanças em relação ao ensino das crianças e dos adolescentes, onde muitos deles sequer souberam lidar com as novidades tecnológicas. De fato, a educação na pandemia ganhou uma nova perspectiva.

Com uma participação ainda mais ativa da internet, é preciso tomar um cuidado redobrado. Mesmo assim, de acordo com uma pesquisa realizada pela educadora Irany Xavier, 58% dos docentes afirmaram que a maior parte dos pais e responsáveis têm participado das atividades educacionais.

Nessa perspectiva, vamos observar o que mudou durante a pandemia e quais foram os resultados positivos para a educação.

Aspectos mentais dos alunos

Educação na pandemia

Com uma mudança tão brusca no formato da educação, ainda mais porque as crianças e os adolescentes estão afastados de seus colegas, é necessário levar em consideração a saúde mental dos alunos. As atividades físicas, antes realizadas, também contribuem para esse sentimento de solidão e desânimo.

A escola terá que ter um cuidado ainda maior com cada um dos discentes, oferecendo novas possibilidades de interação e uma atenção especial para que todos se sintam, novamente, à vontade no ambiente escolar. Além do aprendizado acadêmico, também é preciso levar em consideração o cansaço físico e emocional.

Indo além do conteúdo curricular

Educação na pandemia

Um dos saldos positivos que surgiu durante a pandemia foi a questão de as escolas irem um pouco além do conteúdo curricular. Novas atividades foram propostas, usando da criatividade e do incentivo aos alunos para que tudo corresse da melhor maneira possível. Assim, os resultados acabaram por ser bastante proveitosos.

O mais adequado é que, além de conseguir cumprir um cronograma estabelecido, também seja necessário dar maior liberdade aos discentes para que façam suas escolhas. Gincanas, estímulo ao estudo e novas metodologias podem ser uma boa saída para que todos se interessem pelo conteúdo.

Segurança em sala de aula

Educação na pandemia

Com o coronavírus, todas as escolas precisaram se adaptar para seguir os protocolos estabelecidos. Dessa maneira, vemos uma sala de aula com novos ares, afinal, não é todo dia que álcool em gel é distribuído pelos corredores. De todo o modo, a experiência serviu para mostrar aos alunos como a higiene é importante para preservar a saúde.

O distanciamento social, o ato de lavar as mãos com frequência e de esterilizar os objetos para poder usá-los, acabou por criar uma consciência de classe, onde, ao se proteger, você também pode proteger todos os colegas e aqueles que constituem a comunidade educacional.

Ensino online

Ensino online

Talvez uma das coisas que mais tenha mudado durante a pandemia tenha sido o método de ensino. Com o avanço da tecnologia, celulares e computadores acabaram se tornando os maiores aliados para manter a educação em perfeito funcionamento. No entanto, muitos professores e discentes acabaram por sentir dificuldade para se acostumar com o novo método.

É claro que, com a internet, tudo pode ficar mais fácil. O único problema é quando nem todos os alunos têm a possibilidade de ter acesso a ela. Talvez esse tenha sido um dos maiores desafios enfrentados durante a crise do coronavírus.

A educação à distância pode até ter sido uma alternativa para os tempos de pandemia, mas a maior parte dos alunos e responsáveis concordam que é muito melhor estar em sala de aula. Com paciência, tudo logo irá se resolver e voltar à normalidade.

Gostou do artigo? Compartilhe com os amigos e família! Aproveite e confira mais conteúdos no nosso perfil do Instagram: @exitocolegionatal  

Sobre o(a) autor(a):Colégio Êxito

O Colégio Êxito, ao longo de mais de 30 anos de educação de qualidade, dispõe de uma ótima infraestrutura para atender às necessidades dos seus alunos, garantindo o conforto e a segurança de todos. Nossa missão é levar à sociedade uma educação com excelência, honestidade, qualidade, ética e responsabilidade social.

0 comentários

Enviar um comentário

Postagens Relacionadas

Fale conosco
Informações e Matrículas.
Olá!
Gostaria de receber mais informações sobre a matrícula?